Dicas

“Roots” – Um Encontro entre o Clássico e o Urbano

29 de julho de 2017

O Stúdio Bio Dança, que tem a frente a competente Elisangela Senem traz a Francisco Beltrão o espetáculo “Roots”, em uma apresentação inédita!

É a primeira vez que “Roots” estará em um palco fora do eixo Rio-São Paulo – muita honra para nós – a grande estrela o bailarino Thiago Soares, que é atualmente o primeiro bailarino do Royal Ballet de Londres e considerado “tecnicamente perfeito” na dança. Mas Thiago não esquece o caminho percorrido para alcançar esse posto. E relembra seu passado no espetáculo “Roots”, ao lado do também bailarino Danilo D’Alma.O “Roots” surgiu como uma maneira de resgatar o início da minha vida artística  do bailarino, no Rio, dançando break e hip-hop através de uma conversa com Ugo Alexandre, diretor do espetáculo, que o introduziu no mundo da dança.

O bailarino não restringe no palco apenas a sua infância e adolescência. Ele conta como anda a vida no presente também. E é aí que entra seu parceiro nessa empreitada, Danilo D’Alma, um especialista em danças de rua. Os dois mostram a transição do tempo da vida de Thiago, um contato muito urbano do seu cotidiano. Em certo momento, o bailarino comenta que “será como folhear um álbum de fotos antigas e refletir sobre ele”.
Em cena – um imperdível espetáculo – os dois promovem um diálogo entre a dança de rua contemporânea, como o break, hip-hop e o balé clássico. Os bailarinos se prepararam por cinco meses, entre viagens de Thiago a Londres.

Ficha Técnica:

  • A elegância do ballet clássico de Thiago Soares – Primeiro Bailarino do Royal Ballet de Londres.
  • A força das danças urbanas do bailarino Danilo D’Alma um dos principais nomes do street dance do país.
  • Os respeitados coreógrafos e diretores Ugo Alexandre e Renato Cruz.
  • Trilha sonora do músico e multi-instrumentista Pedro Bernardes que apresenta a trilha sonora original ao vivo, dão um tom autêntico nessa mescla entre o tradicional e o urbano.

“A dança de rua em diálogo com a dança clássica promove um jogo de deslocamentos e quebras de paradigmas, e o encontro destes bailarinos conduz o espectador a um quadro vivo e imprevisível.” Eu vou e te faço um convite, vamos prestigiar a beleza da dança e a iniciativa belíssima da Elisangela.

Ponto de Venda de Ingressos | Studio Bio Dança Elizangela Senem | Kenusa | Posto Vila Nova | www.blueticket.com.br

 

Comentar via facebook

Comentário(s)

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM