Porta Retrato

13 de junho – Dia de Santo Antônio

13 de junho de 2017

Lata de Sardinha com imagem do Santo, trazida de Portugal

Sabe aquele amigo querido que põe a mão no seu ombro e te diz: Esta difícil ? Vamos eu te ajudo! Essa é a figura que Santo Antônio representa para mim. Querido, amável e meu amigo sempre! Na alegria, na tristeza; na saúde e na doença…sempre…em todos os momentos da minha vida!

Um homem com o grande DOM da palavra, um conciliador, ótimo comunicador, um ser humano incrível para sua época.

Um pouco da sua História |

Santo Antônio, frade agostiniano. Frequentou o convento de São Vicente de Fora, Lisboa e foi para o convento de Santa Cruz, em Coimbra e lá estudo Direito. Teve uma educação com influência de Aristóteles, Sêneca e Cicero. Por conta disso, foi considerado Doutor da igreja. Depois da missão fracassada no Marrocos, foi a Sicília e Assis, onde fez contatos com Francisco e seguidores. Tornou-se franciscano. Em Forli, também na Itália iniciou suas pregações públicas de forma convincente, elaborada e estudada. Em Bolonha, dedicou-se a Teologia. Muitos são seu milagres, um deles a aparição do menino Jesus, o que tornou sua iconografia (forma de linguagem visual que utiliza imagens para representar um tema). Outro milagre, foi durante uma pregação, onde se encontravam pessoas de várias nações, sua fala foi entendida por todos na língua materna (de origem).

Ele é o santo padroeiro de Portugal, invocado para evitar naufrágios, realizar casamentos e proteger velhos e grávidas.

Eu tenho uma opinião muito própria sobre Santo Antônio. Tenho grande devoção e, ele sabe disso 😉 . Todas as vezes que tenho um compromisso e que preciso falar em público, elevo meu pensamente até ele. Sou atendida, ele sempre ilumina e guia minhas palavras. Se ele é santo casamenteiro, isso eu não sei. Acredito sim, que ele era um grande conciliador, as palavras brotavam de sua boca de forma simples e verdadeira e assim conseguia fazer com que as pessoas conversassem e se entendessem, talvez daí venha a crença???!!!

Outro fato importante atribuído à Santo Antônio é o Responso, oração que vai te ajudar a encontrar o que foi perdido, roubado ou extraviado. Genteeee, eu acredito muito. Sempre encontrei tudo o que perdi…rsrs…vai com fé! Essa poderosa prece, que tem séculos de existência, invoca Santo Antônio para que interceda pela nossa causa. Pode ser usada sempre que achar necessário, mas é importante rezar com fé e que o pedido seja honesto.

É comum, nas festividades de Santo Antônio a distribuição de pãezinhos, aos quais são abençoados com uma oração, eu adoro esse ritual e tenho o maior apreço em levar um pãozinho para os amigos que eu gosto e são devotos dele.

Curiosidade |

Sua língua, se encontra exposta em um relicário especial de vidro,  em Pádua (Padova), na região nordeste da Itália, onde faleceu. Quem conhece o local, relata que é emocionante, poder vê-la mesmo depois de tantos séculos e constatar que ainda esta intacta. Os relatos são de que o local tem uma energia maravilhosa e calmante. Em 1981, por ordem do Papa São João Paulo II, se descobriu incorruptas também as suas cordas vocais.

Por aqui as festas juninas são dedicadas à ele, sinceridade acho pouco. Ele foi um grande orador, um homem esplêndido dentro das suas possibilidades e que fez muito pelas pessoas que conviveram com ele. Santo Antônio é um querido, um grande estudioso e falava com maestria. Sou fã e devota fervorosa do “Toninho” sim, somos muito amigos…rsrs.

Algumas imagens de uma grande amiga e também devota!

A missão de Santo Antônio foi muito mais do que multiplicar pães, curar enfermos, é espiritual: levar as pessoas à conversão,  à mudança de vida e aos caminhos possíveis e transformadores da fé.

Santo Antônio de Lisboa, Santo Antônio de Pádua, Santo Antônio de todos nós!

Para quem quiser conhecer mais acesse aqui

Imagens | Reprodução | Não Autorais.

Contribuição | Mônica Bresolin | Gabriela B. Boal | Maria Bernadete Pasko

Comentar via facebook

Comentário(s)

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM