Gostosuras

Gin & Gim

13 de julho de 2019

Em um almoço encontramos um amigo da família, ele nos viu bebendo água tônica e logo virou momento nostalgia. Com seus 90 anos bem vividos, começou a recordar do seu drink preferido: Gin Tônica. Parei para ouvi-lo, contou com saudosismo que se deliciava com a bebida na sua juventude.A origem do gin vem da Holanda. Em 1650, o médico e professor, Francisco de la Boie, conhecido como Sylvius, pesquisava um remédio diurético que amenizasse problemas renais. Para isso juntou a erva chamada zimbro na mistura destilada de milho, cevada e trigo criando uma das bebidas mais consumidas na história da humanidade – o gin.

Durante a guerra, o remédio tornou-se muito popular entre os soldados, popularmente conhecida como “coragem holandesa”, era consumida pelos soldados antes das batalhas para afastar o frio rigoroso do inverno europeu. Os soldados estariam radicados na Índia, que sofria com uma epidemia de malária para a qual se receitava o consumo de quinino, presente na água tônica, se saíram com esta: por que não suavizar o amargor da substância com açúcar e uma dose de gin? Credita-se à esperteza ou ao puro hábito de beber, o surgimento do Gin Tônica, drinque ilustre e famoso. Embora tenha surgido na Holanda, foram os ingleses quem popularizaram a bebidaComo se escreve Gin ou Gim?  Eu fiquei na dúvida, confesso. O nome da bebida, no original é seja escrito com N, o dicionário Aurélio traz a palavra com a letra M no final. Porém independente da última letra, a palavra em português é um substantivo masculino: ou seja, nada de “a” gin/gim.

A origem do nome da bebida deriva da palavra genever, que é o nome holandês da erva-base do gin, o zimbro como é conhecido no Brasil.

Curiosidades sobre o Gin | A bebida é sucesso na Inglaterra. Os soldados ingleses ao final da guerra dos anos 30, voltaram para casa trazendo o destilado holandês na mala, popularizando seu consumo na terra da rainha. A monarca já admitiu que a bebida alcóolica têm seu coração. Vai ver é esse o segredo da longevidade, né?!O Gin é a bebida queridinha dos famosos também por aqui, tem fama de não engordar, mas especialistas contestam (160 calorias por dose). Luana Piovani e Marília Mendonça trocaram vinho e cerveja pela bebida. Luana afirma que não sente ressaca, já Marília (antes de engravidar)afirma que a bebida enjoa. Haha controvérsias a parte, a bebida vem caindo no gosto de muitos paladares.

O Gin já foi mais barato que cerveja. Após o desenvolvimento do método de destilação, passou a ser produzido em larga escala na Inglaterra. Porém o fato não foi bom, o país enfrentou um epidemia de alcoolismo. Esse capítulo sombrio da história do gin conferiu, por muito tempo, preconceito contra a bebida. Apesar de já ter tido essa má fama, o gin apresenta graduação alcoólica semelhante a outros destilados como vodka, tequila e pisco.O Gin, a exemplo da Vodca não passa por nenhuma madeira. Porém, claro com a criatividade do brasileiro, algumas experiências de finalização em tonéis de madeira, como Carvalho e amburana, vêm agradando aos amantes da bebida. O Gin não tem uma pátria definida, como a Tequila, o Champagne e a nossa Cachaça. Pode ser fabricado em qualquer lugar onde tenha o zimbro, especiaria obrigatória da bebida.

No ano passado, uma pesquisa encomendada pela Bacardi e pela agência Llorente & Cuenca, apontou que o Gin superou o whisky e a Vodca entre os consumidores da classe A e B. A fama deve-se, claro, a drinks como o Gin Tônica (80% do consumo só nessa versão), o Negroni e o Dry Martini.

Hoje o Gin está entre os queridinhos de bartenders do mundo todo. Fazê-los em casa é até simples.

Gin Tônica | Receita clássica

Copo ou taça com bastante gelo | 50 ml de Gin | 120 ml de água tônica | Twist da casca de laranja e limão siciliano | 4 ou 5 sementes de zimbro | 3 gotas de bitter de laranja.

Modo de fazer | Coloque o gelo no copo (ou taça) e mexa com a colher bailarina até gelar bem o copo. Coloque o gin e em seguida a água tônica. Mexa um pouco com a colher bailarina e acrescente os twists de laranja e limão siciliano.

Dry Martini | Conhecido no mundo inteiro, mas tornou-se ainda mais famoso depois que o espião 007 mostrou ao mundo a sua preferência pelo coquetel.

50 ml de Gin | 50 ml de vermute seco | 2 gotas (dashes) de bitter de laranja | Twist da casca de limão siciliano | Uma azeitona sem caroço.

Modo de fazer | Gele bem uma taça de Dry Martini e dispense o gelo. Coloque o gin, acrescente o vermute, dois dashes de bitter de laranja. Acrescente o twist de limão siciliano e finalize com a azeitona. Negroni| Tem origem na cidade italiana de Florença, no início do século 20. Muito classudo, ótimo como aperitivo.

50 ml de gin | 50 ml de Campari | 50 ml de vermute tinto | 1 rodela de laranja |Cubos de gelo a gosto

Modo de Fazer | Num copo americano baixo, coloque a rodela de laranja e adicione bastante gelo. Junte o gin, o Campari e o vermute tinto. Com uma colher bailarina, misture agitando o líquido de cima para baixo. Sirva a seguir.Imagens Reprodução | Não Autorais.

Comentar via facebook

Comentário(s)

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM