Gostosuras

Geleia de Tâmara | Quintal Pepper

26 de agosto de 2019

A tâmara é um fruto de cor avermelhada, polpa fibrosa e sabor agridoce. Altamente nutritiva, é o alimento básico no mundo árabe, onde é consumida de diversas formas.

Este fruto peculiar, possui vários usos culinários, pode ser para receitas salgadas quanto doces: molhos, bolos, pudins, mousses, docinhos, tortas, biscoitos, pães, e tudo o mais que sua imaginação permitir.

A Quintal Pepper o transformou em uma geleia deliciosa, com ou sem pimenta, a seu gosto. Ao pegar uma colherada generosa do doce você irá perceber que a cor vermelho terroso e os muitos pedaços do fruto tornam a experiência gastronômica muito interessante, garanto. A tâmara fresca contém entre 20% e 36% de açúcar, enquanto as secas portam entre 55% e 80%, assim pouco ou quase nada de açúcar é adicionado ao seu preparo, uma das características das geleias “das meninas”, nessa em especifico somente 35% de açúcar foi adicionada a sua preparação.

Queijólatras de plantão, eu sou da opinião de que nada fica ruim com queijo, eu amo queijo. Independente da maturação, cor, consistência ou teor de gordura, queijo é vida. Queijo puro é muito bom mas, com a geleia de tâmaras, o casamento é perfeito. Essa é a minha sugestão para consumo, há outras com certeza, você pode descobrir.

Eu sou o típico caso de quem não consegue comer apenas um pedacinho de queijo com geleia. E tem como resistir? Observem a combinação geleia de tâmara com queijo brie ? Covardia né?  O queijo de interior cremoso com a geleia tornam a mistura de sabores uma festa às nossas papilas gustativas. É cada queijo é mais mais gostoso do que o outro. Experimente com vários tipos, o queijo Gorgonzola (queijo azul) confere um sabor bem marcante, já que seu sabor é mais forte.

Tenho um receitinha simples, deliciosa para executar, ideal para ser servida como entrada. Brie Assado com geleia de tâmara e nozes, é facílimo de fazer e o resultado surpreende
Ingredientes: 1 peça de queijo brie de aproximadamente 300 g, 3 colheres (sopa) de geleia de tâmaras, 12 nozes pecã inteiras e ramos de alecrim para enfeitar e perfumar (opcional)
Modo de Preparo: Preaqueça o forno a 180°.  Coloque o queijo sobre uma panelinha ou um refratário pequeno (pense que você vai servir o queijo neste mesmo recipiente). Regue o queijo com 1 colher da geleia e cubra a superfície com as nozes. Coloque o restante da geleia. Se gostar coloque um ramo de alecrim por cima ou ao lado do queijo para perfumar. Leve ao forno por 8 minutos e sirva imediatamente acompanhado de fatias de pão tostado ou torradinhas. Curiosidade | Diz-se que um beduíno resiste três dias de marcha com uma única tâmara: “No primeiro come a pele, no segundo dia o fruto e no terceiro o caroço”. Essa inocente frutinha, que por aqui costuma ser mais consumida na época natalina, sem que a maioria de nós sequer imagine sua propriedades nutritivas, no deserto torna possível a vida.

Por isso, a tamareira é considerada uma árvore sagrada e mágica há milhares de anos nas regiões onde são cultivadas. Simbolizam a união entre céu e terra. Sua presença junto às casas é sinal de hospitalidade. É a palmeira que inspirou as colunas dos templos, o pilar do céu, segundo afirma a palavra grega phoenix. Em muitas mesquitas, as colunas lembram a forma das palmeiras. E nas paisagens mais áridas, o doce do seu fruto evoca o paraíso.

Sobre o fruto | Devido ao alto conteúdo de hidratos de carbono simples e complexos (72%), que são metabolizadas pelo organismo de forma demorada, constitui um alimento muito energético, ideal para aqueles que precisam de muita energia física, como crianças e esportistas, ou mental (estudantes, profissionais que trabalham com o intelecto).

Imagens | Rojane Kletcke – Quintal Pepper 

Arte da Capa| Jessica Giongo

Comentar via facebook

Comentário(s)

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM